O Segredo da Partida Elétrica

O Segredo da Partida Elétrica

10 de fevereiro de 2021 0 Por Eduardo Galli

Quem nunca passou raiva com a partida da Mirage 150, quando está sem o maldito sensor de embreagem, pois este sensor com defeito, ou por algumas vezes ausente em nossas motos, impossibilita o uso da partida elétrica caso a moto esteja engrenada.

Então para os amigos que desejam entender um pouco mais sobre o funcionamento deste dispositivo. segue o diagrama elétrico de seu funcionamento.

Se a luz de neutro estiver acesa realmente dá partida como podemos ver no esquema.

O solenóide do relê de partida é alimentado pelo indicador de neutro e pela chave no manete de ignição.

Um dos dois deve estar acionado para aterrar o circuíto, permitindo o acionamento.

Outra coisa importante, o gerador é a bobina de ignição, portanto, diferente do que me foi informado por alguns mecânicos habituados com Titan por aí, a moto gera energia se estiver desengatada, consequentemente podemos carregar a bateria usando o motor sem precisar estar rodando com a moto.

Porém caso a moto esteja engrenada em qualquer uma das marchas a partida elétrica só funcionará com o cambio na posição NEUTRO, ou com a embreagem acionada.

Para quem deseja desabilitar este mecanismo de segurança, basta desmontar o farol e localizar um par de conectores, um com o fio verde e o outro cor de rosa, e simplesmente ligar um fio ao outro, com o auxilio de um jumper para não alterar o chicote original. isole bem, e pronto sua moto funcionará o motor de arranque até em 5º marcha.

Embora este recurso seja bastante funcional, eu não o recomendo, caso hajam outros pilotos em sua casa, pois há o risco de danificar o motor de arranque, ou causar acidentes devido ao tranco que a moto dará ao ser ligada com a marcha engrenada.

image_pdfBaixe este Conteúdo em PDFimage_printImprima este Conteúdo